Operação aponta superfaturamento em contratos de Santa Casa em MG

Polícia Federal, MPF e MTFC agiram em São Sebastião do Paraíso.
Organização criminosa fraudaria licitações de compra de equipamentos.







Uma operação realizada pelo Ministério da Transparência, Polícia Federal e Ministério Público Federal em São Sebastião do Paraíso (MG), nesta terça-feira (30), concluiu que houve superfaturamento na compra na compra de equipamentos para a Santa Casa da cidade, além de direcionamento em uma licitação.

Batizada de "Miserere Nobis", a operação investiga uma organização criminosa que estaria fraudando licitações para compra de equipamentos em procedimentos de média e alta complexidade na entidade.

Ainda segundo a assessoria, a operação partiu de uma fiscalização realizada pelo Ministério da Transparência, Fiscalização e Controle (MTFC) em 2014. As investigações se concentraram em convênios firmados entre a Santa Casa e o Ministério da Saúde no período de 2007 a 2013.

A operação começou por volta de 5h30. Participaram 16 policiais federais e oito servidores do Ministério da Transparência, Fiscalização e Controle. A equipe fez buscas na Santa Casa, onde apreendeu uma grande quantidade de documentos.

"Compra pagando mais caro. Um determinado equipamento, cinco empresas apresentaram propostas e nem sempre a de menor preço ganhava. Ou então a gente via que a ata aparentemente manipulada e aquela empresa ganhava. E teve caso também que a empresa A ganhou a licitação e quem entregou o equipamento foi a empresa B. Isso é ilegal", explica o delegado Benício Cabral, da Polícia Federal.
Atendimento deve ser paralisados na Santa Casa de São Sebastião do Paraíso (Foto: Reprodução EPTV)Operação apontou que houve superfaturamento em contratos da Santa Casa de São Sebastião do Paraíso (Foto: Reprodução EPTV)


As fraudes teriam sido cometidas em três convênios com o Ministério da Saúde e a Santa Casa, no período de 2007 a 2013. Vinte empresas de equipamentos hospitalares estariam envolvidas nessas irregularidades.

"A gente acha que talvez os pregões não tenham ocorrido de fato. Há uma possibilidade de que tenha sido só uma simulação. Só faz uma ata como se tivesse, porque muitas assinaturas foram coladas em documentos. Então dá a impressão de que as pessoas não estavam fisicamente aqui", acrescenta o delegado.

Segundo o delegado, os principais alvos da investigação são a diretora administrativa da Santa Casa, Maria Helena Campos Prado Andrade, e um provedor da entidade. Além do hospital, a polícia também realizou buscas em outros locais na cidade. Agora toda a documentação recolhida vai ser encaminhada à Controladoria Geral da União. Segundo a assessoria, a expectativa é de que o inquérito seja concluído até o fim de 2016.

"Eles têm que vir apurar para ver se confere ou não. Eles levaram todas as documentações. Eu vou aguardar caso eles queiram falar comigo, [se] quer que eu preste algum esclarecimento. Deixei meu celular, estou à disposição para qualquer dúvida que eles tiverem", afirma Maria Helena.

A investigação apontou que houve direcionamento na licitação e superfaturamento de R$ 450 mil na aquisição de um tomógrafo, além da compra de outros equipamentos com valores superiores aos de mercado. Maria Helena, no entanto, afirmou que não houve irregularidades.

"Nem sempre o processo licitatório é comprado pelo menor preço. O equipamento é uma coisa que tem que se ver a capacidade daquele equipamento, a voltagem dele. Então os próprios médicos é que não o atesto se aquele equipamento é o equipamento que precisa, que é o necessário, que é o que atende", diz a diretora da Santa Casa.

Segundo o delegado, o prejuízo aos cofres públicos pode passar de R$ 1,3 milhão.

Fonte: G1 Sul de Minas/EPTV

Concurso Público Polícia Federal - 5 mil vagas, salário inicial de 4.270,77

O novo concurso da Polícia Federal é para cadastro de 5 mil vagas, onde os candidatos devem ter nível médio ou superior, dependendo do cargo que desejar.



Quem aguarda o Concurso da Polícia Federal – Nível Médio, pode ficar aliviado, porque o Projeto de Lei 4.253, de autoria do Poder Executivo, foi aprovado. A PL cria vagas para cargos de vários órgãos federais que deverão ser preenchidas por meio de concurso público. A proposta conta com 683 vagas na Polícia Federal (PF), todas na área de apoio, cargo de Agente Administrativo (Nível Médio).
No dia 29/07/2016, tal Projeto de Lei foi transformado na Lei Ordinária 13328/2016. Com a aprovação, a PL seguirá para o Senado Federal. Apesar das 683 vagas aprovadas, o presidente da Associação Nacional dos Delegados de Polícia Federal (ADPF), Carlos Eduardo Miguel Sobral, informou que a Polícia Federal precisa hoje, contratar 5 mil servidores administrativos. Com isso, as vagas solicitadas através do Projeto de Lei, ainda seriam insuficientes para repor a quantidade de postos vagos. Além disso, de acordo com o presidente da Federação Nacional dos Policiais Federais (Fenapef), Luís Boudens, quase 70% dos que ingressaram no último concurso da Polícia Federal da área administrativa já deixaram o órgão.
A suspensão de concursos anunciada pelo governo federal não deve atrapalhar a abertura de novo concurso. O que reforça a ideia ainda, é o histórico do concurso. Em anos anteriores, mesmo com a suspensão de concursos, órgãos de segurança pública, saúde e educação ficaram isentos das medidas fiscais para reajuste das contas públicas. Além disso, o decreto nº 8.326, garante que a Polícia Federal não necessita mais de autorização do Planejamento para realizar concursos. Entretanto, o MPOG precisa confirmar a existência de verba para o preenchimento das vagas.
Nos últimos seis, sete anos, quatro mil policiais deixaram o departamento em virtude de aposentadoria ou outros motivos, sem que esse quantitativo tenha sido reposto. E com o encolhimento do quadro, vem a sobrecarga. "Temos colegas trabalhando 12 por 12 horas nas fronteiras, porque não tem efetivo", relatou. Para O sindicalista, os reflexos de um efetivo maior poderiam ser sentidos até mesmo na Operação Lava-Jato, cujos especialistas não conseguem estimar um fim, tamanho o alcance dos esquemas criminosos. "Já teria solução, com a condenação ou não dos envolvidos. O processo é lento porque tem 30, 40 pessoas trabalhando em uma operação de uma grandeza, de uma magnitude dessas.
O último concurso da Polícia Federal para Agente Administrativo foi realizado em 2013. Na ocasião, o órgão abriu 566 vagas na área administrativa. O cargo exige nível médio, e tem atualmente salário inicial de R$ 4.270,77. O certame será válido até junho de 2018.


Vejam abaixo quais são as vagas para esse órgão:

Vagas para Escrivão – R$ 7.887,00;
Vagas para Delegado – R$ 15.743,00; - NÍVEL SUPERIOR
Agente Administrativo - R$ REMUNERAÇÃO R$ 4.270,77 NÍVEL MÉDIO.
Agente de Polícia
Perito

Fonte: Jornal O Progresso

Ocorrências policiais Caxambu: vândalos quebram vidros de agência bancária





Em Caxambu, na manhã dessa segunda-feira, a Polícia Militar compareceu a uma agência bancária situada na Rua Major Penha, Centro, onde registrou uma ocorrência de dano.
O solicitante de 39 anos, vigilante, relatou que ao chegar para trabalhar, deparou com 02 vidraças das janelas laterais da agência quebradas.
O vigilante acredita que o fato aconteceu no final de semana e também disse que o banco possui sistema de monitoramento e alarmas nas áreas internas e externas, porém, em momento algum houve acionamento do sistema de segurança.
Diante do exposto, foi feito contato com a Delegacia de Polícia Civil para acionamento da perícia técnica, a qual ficou de comparecer para realizar os trabalhos de praxe.



Caxambu: prisão em virtude de mandado


Em Caxambu, na tarde dessa segunda-feira, a equipe de Patrulha Rural, durante policiamento preventivo às margens da Rodovia BR 354, realizou uma prisão em virtude de mandado.

Os militares abordaram um jovem de 25 anos, o qual foi submetido a busca pessoal, mas nada de ilícito foi encontrado.

Durante consulta no sistema informatizado, foi constatado um mandado de prisão em aberto contra ele.

Dianto do fato ele foi cientificado do referido mandado e conduzido à Delegacia de Polícia, para as providências subsequentes.




Autor: P5 do 57º BPM

Mais de 15 pessoas foram feitas reféns durante assalto em Três Corações

Mais de 15 pessoas foram feitas reféns, na noite de domingo (28), durante assalto a empresa de transporte público em Três Corações.

mais
Mais de 15 pessoas foram feitas reféns durante assalto em Três Corações. / Foto ilustrativa: Reprodução internet


O tesoureiro da Trectur, a família dele e 14 funcionários da empresa de transporte público foram feitos reféns durante assalto em Três Corações, que aconteceu na noite de domingo (28). De acordo com a Polícia Militar nenhum deles foi ferido.

Ainda segundo os militares cinco homens participaram da ação. Na ocasião dois deles foram até a residência do tesoureiro rendendo ele e a mãe e a irmã, enquanto isso os outros três trancaram os 14 funcionários em um cômodo da empresa.

Levando o tesoureiro e a família para o local, eles foram até o departamento financeiro onde roubaram o dinheiro. Após a ação eles fugiram sentido a rodovia AMG-1010, de acesso à Fernão Dias.

O valor levado por eles não foi divulgado e até o momento nenhum suspeito foi localizado.

Fonte: O Melhor do Sul de Minas

Corrida de rua do circuito IF Sul de Minas tem inscrições abertas

Estão abertas as inscrições para a 2ª edição do Circuito IF Sul de Minas de Corrida de Rua 2016 – Etapa Campus Muzambinho. A competição será no sábado (10).

corrida
Corrida tem inscrições abertas até o próximo sábado (3). 
 Foto: Divulgação


Estão abertas as inscrições para a 2ª edição do Circuito IF Sul de Minas de Corrida de Rua 2016 – Etapa Campus Muzambinho. Os interessados têm até o próximo sábado (3) para fazer a inscrição no site.

A taxa de inscrição vai de R$ 15 a R$ 50. Todos os inscritos terão um kit composto por camiseta personalizada, chip de cronometragem, medalha entre outros itens previstos em regulamento.

A corrida conta com distâncias de 5 a 10 km e uma caminhada de 2,5 km, com três categorias: gerais, feminino e masculino. Os cinco primeiro colocados além de receber o troféu, serão premiados. Ao todo são R$ 4,6 mil divididos nas premiações.

A competição será realizada no sábado (10), com largada na Praça Central de Muzambinho. Ao final uma confraternização contará com a animação de um DJ.

Serviço

Local da largada: Av. Doutor Américo Luz, 268, (Próximo à Caixa Econômica Federal), Muzambinho

Data: 10/09/2016 (sábado)

Hora: 18h

Regulamento e inscrição: no site

Demissões foram maiores que contratações nas 5 maiores cidades do Sul de Minas

Desemprego assombra famílias das cinco maiores cidades do Sul de Minas: em julho, todas elas fecharam no vermelho
Imagem ilustrativa extraída do site: segurodesemprego2016.com.br



A taxa de desemprego no Brasil ficou em 11,6% no trimestre encerrado em julho de 2016, de acordo com dados da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua (Pnad Contínua) divulgados hoje, terça-feira, dia 30, pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). O resultado ficou acima da mediana (11,50%), mas dentro do intervalo das expectativas dos analistas que estimavam uma taxa de desemprego entre 11,30% e 11,70%. Em igual período do ano passado, a taxa de desemprego medida pela Pnad Contínua estava em 8,60%.
Nas cinco maiores cidades do Sul de Minas - Poços de Caldas, Pouso Alegre, Varginha, Passos e Lavras - o Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) registrou déficit na geração de emprego no mês de julho. Poços de Caldas fechou o mês de julho com saldo negativo de -311 empregos, em julho aquela cidade gerou 1.530 vagas de empregos e fechou 1.841, um déficit negativo de 311 desempregados.
Em Pouso Alegre a situação não foi diferente, foram geradas 1.382 vagas de empregos e foram fechadas 1.716, com isso, 334 pessoas ficaram desempregadas em Pouso Alegre no mês de julho. Varginha também registrou saldo negativo em julho, aquela cidade abriu 1.354 vagas de empregos e fechou 1.691, deixando 335 pessoas na fila dos desempregados.
Passos em julho abriu 622 vagas de empregos e fechou 696, registrando um saldo negativo de -74. Situação pior foi a de Lavras, que foi a cidade que menos gerou empregos em julho: 580 e demitiu em igual período 693, deixando na fila dos desempregados 113 pessoas.
O desempenho negativo das cinco maiores cidades do Sul de Minas foi atribuído ao fim da colheita do café, o que não confere com a planilha do Caged em pelo menos 4 das 5 cidades. Em Poços de Caldas, o setor agropecuário demitiu 169 pessoas em julho, Pouso Alegre 19, Varginha 51, Passos 5 e Lavras 9. Em Lavras as demissões que mais pesaram no resultado final foram na construção civil 58, e indústria, com 41.

Fonte: Jornal de Lavras

Prazo para sacar PIS/Pasep termina hoje; veja se tem direito ao abono

Prazo não será prorrogado novamente, informou o Ministério do Trabalho. Benefício equivale ao valor de um salário mínimo.




Termina nesta quarta-feira (31) o prazo de saque do abono salarial de 2015, relativo ao ano-base 2014 (PIS/Pasep). O valor de R$ 880 está disponível para saque nas agências da Caixa ou do Banco do Brasil a aproximadamente um milhão de trabalhadores em todo o Brasil, informou o Ministério do Trabalho.

Passado o prazo, os benefícios que não forem sacados voltarão para o Fundo de Amparo ao Trabalhador (FAT) e não estarão mais disponíveis para retirada nas agências bancárias.

O ministro do Trabalho, Ronaldo Nogueira, alerta os trabalhadores que tiveram a carteira assinada por pelo menos 30 dias em 2014 e receberam até dois salários mínimos para que procurem saber se têm direito ao abono.

Para saber se tem direito aos recursos, o trabalhador pode fazer uma consulta na página do Ministério do Trabalho ou verificar uma lista disponibilizada pelo governo.

O coordenador geral de Seguro-Desemprego, Abono Salarial e Identificação Profissional do Ministério do Trabalho, Márcio Borges lembra o prazo já foi ampliado e não será prorrogado novamente.

Para ter direito ao abono salarial de 2015, o trabalhador precisa:
- estar cadastrado no PIS/Pasep há pelo menos cinco anos;
- ter recebido remuneração mensal média de até 2 salários mínimos em 2014;
- ter exercido trabalho remunerado por pelo menos 30 dias em 2014;
- ter os dados atualizados pelo empregador na Relação Anual de Informações Sociais

Abono de 2016
O abono salarial 2016, referente ao ano-base de 2015, começou a ser pago em 28 de julho, conforme calendário definido pelo Conselho Deliberativo do Fundo de Amparo ao Trabalhador (Codefat). Os trabalhadores recebem os valores até 30 de junho de 2017.

A estimativa do Ministério do Trabalho é que sejam repassados R$ 14,8 bilhões a a 22,3 milhões de trabalhadores que têm direito ao abono.

Como sacar o PIS/Pasep
- Antes de sacar o PIS, o trabalhador deverá verificar se o benefício não foi depositado diretamente na conta. Caso contrário, deve comparecer com o Cartão do Cidadão e senha cadastrada nos terminais de autoatendimento da Caixa ou em uma Casa Lotérica. Se não tiver o Cartão do Cidadão, o beneficiado pode receber o abono em qualquer agência da Caixa mediante apresentação de um documento de identificação.

- Já os participantes do Pasep (Banco do Brasil), após verificar se houve depósito na conta, devem procurar uma agência e apresentar um documento de identificação.

- As informações sobre o direito ao saque também podem ser obtidas pela Central de Atendimento Alô Trabalho – 158; pelo 0800-7260207, da Caixa; e pelo 0800-7290001, do Banco do Brasil.

O valor equivale a um salário mínimo vigente na data de pagamento, atualmente em R$ 880. Os recursos que não forem sacados retornam para o Fundo de Amparo ao Trabalhador (FAT).

Mais informações
A Central de Atendimento Alô Trabalho do Ministério do Trabalho, que atende pelo número 158, tem informações sobre o PIS/Pasep. Para o caso do PIS, o telefone de contato da Caixa Econômica Federal é 0800-726 02 07 e, para o Pasep, o número de telefone do Banco do Brasil é 0800-729 00 01.



http://g1.globo.com/

Dois dos sete candidatos à prefeitura de Caxambu iniciam agenda de comícios

Candidatos priorizam reuniões e visitas aos bairros

Dois dos sete candidatos que disputam a prefeitura de Caxambu nas eleições deste ano, iniciaram suas agendas de comícios, Diogo Curi (PSDB) e Ricardo Kaká (PSL).
Os outros cinco candidatos. José Luiz (PMDB), Luiz Carlos Pinto (PHS), Leandro Feijão (PRB), Magnus (PT) e Jurandir Belini (PP) ainda não realizaram nenhum comício, estão priorizando as visitas aos bairros, onde ouvem os moradores e apresentam suas propostas de governo.





O candidato Diogo Curi da coligação "Caxambu é Possível" lançou oficialmente sua campanha no dia 26 de agosto, com comício no calçadão, no centro da cidade. No dia 30/08 visita os moradores do bairro Santo Antônio e no dia 02/09 estará apresentando sua proposta de governo no bairro Santa Rita.




O candidato Ricardo Kaká da coligação "Mudança Já", foi o primeiro a inaugurar a agenda
de comícios dos candidatos à prefeitura de Caxambu, no bairro Trançador, dia 18 de agosto. Na sequência realizou comícios em mais cinco bairros: Observatório(19/08), Campo do Meio (22/08), Vila Verde (24/08), Santa Rita (26/08) e Novo Horizonte (29/08).


DE ACORDO COM AS NOVAS REGRAS:

Propaganda "cinematográfica"
Nas propagandas eleitorais, não poderão ser usados efeitos especiais, montagens, trucagens, computação gráfica, edições e desenhos animados.

Veículo com jingles
Fica proibido o uso de qualquer tipo de veículo, inclusive carroça e bicicleta, no dia das eleições.

Cabos eleitorais
Podem ser contratados como cabos eleitorais um número limite de trabalhadores de até 1% do eleitorado por candidato nos municípios de até 30 mil eleitores. Nos demais, é permitido um cabo eleitoral a mais para cada grupo de mil eleitores que exceder os 30 mil.

Propaganda em carros
Só com adesivos comuns de até 50 cm x 40 cm ou microperfurados no tamanho máximo do para-brisa traseiro. “Envelopamentos” estão proibidos.

Propaganda em vias públicas
Permitidas bandeiras e mesas para distribuição de material, desde que não atrapalhem o trânsito e os pedestres. Bonecos e outdoors eletrônicos estão vetados.

Redes sociais
A campanha nas redes sociais estará liberada, mas é proibido contratar direta ou indiretamente pessoas para publicar mensagens ofensivas contra adversários.


Horários de comícios

Comícios de encerramento de campanhas podem ir até 2h da madrugada. Nos demais dias, das 8h à meia-noite. Nas eleições anteriores, os comícios de encerramento de campanha também deviam acabar à meia-noite.


Fotos do candidato Diogo Curi - Fanpage
Fotos do candidato Ricardo Kaká - Sayuki Yamaoka

Projeto para exportação e importação de cargas será apresentado na região

Evento acontece em cinco cidades do Sul de Minas; começa em Varginha.
Objetivo é reduzir custos e impulsionar desenvolvimento econômico.





Varginha (MG) recebe nesta quarta-feira (31) o “Encontro de Negócios – O Melhor Caminho para o Segmento de Logística do Sul de Minas”. O evento vai apresentar um projeto de solução para exportação, importação e distribuição de cargas no território nacional para empresários e lideranças políticas. Além de Varginha, a iniciativa também será realizada em Poços de Caldas (MG), Santa Rita do Sapucaí (MG), Itajubá (MG) e Pouso Alegre (MG).

De acordo com dados da Unidade de Inteligência Empresarial do Sebrae Minas, as atividades de maior especialização da região são as de fabricação de artigos de malharia, tricô, componentes eletrônicos, auto peças, novas tecnologias, produção de lavouras permanentes e extração de minerais metálicos não ferrosos. Movimentação que resulta em um Produto Interno Bruto (PIB) regional de R$ 50,7 bilhões.

Segundo dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) através da Classificação Nacional de Atividades Econômicas (CNAE, versão 2.0), a cafeicultura representa 79% das exportações do Sul de Minas, gerando negócios que chegam a U$ 2,9 milhões, tendo como maiores exportadores as cidades de Varginha com 51,3% e Guaxupé (MG) que acumula 23,4%.

O projeto liderado pelo Sebrae Minas em parceria com a Azul Cargo e a BH Airport Cargo tem o objetivo de reduzir custos e impulsionar o desenvolvimento econômico das empresas da região. De acordo com o gerente Regional Sul do Sebrae, Juliano Cornélio “o Sul de Minas, além de localização privilegiada, próximo às três maiores capitais do país, possui grande concentração de empresas e serviços que são projetados mundialmente”.

Ainda segundo Cornélio, para a efetivação do projeto de logística do Sul de Minas será utilizado o terminal aeroviário de cargas do Aeroporto Major Brigadeiro Tompowsky, em Varginha, isto porque é o único da região a ter autorização da Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC) para realizar esse tipo de serviço.

“Os produtos da nossa região são vendidos para países como Alemanha, Estados Unidos e Japão. Com a implantação desse projeto, nossa intenção é de que todo esse processo de logística se torne mais ágil, econômico e efetivo”, afirma.

Serviço
Encontro de Negócios – O Melhor Caminho para o Segmento de Logística do Sul de Minas
Mais infomações: (35) 3690-5100.

Varginha
Quando: quarta-feira (31) às 8h30
Onde: Auditório Sebrae (Praça Dr. Naylor Sales Gontijo, 16 – Vila Pinto)

Poços de Caldas
Quando: quarta-feira (31) às 19h
Onde: Hotel Palace (Praça Pedro Sanches, s/n – Centro)

Santa Rita do Sapucaí
Quando: quinta-feira (1º) às 9h
Onde: Auditório da Incubadora Municipal PROINTEC (Avenida Francisco Andrade Ribeiro, 543 – Família Andrade)

Itajubá
Quando: quinta-feira (1º) às 19h
Onde: Hotel Amantykir (Rua Dona Maria Carneiro, 241 – Boa Vista)

Pouso Alegre
Quando: sexta-feira (2) às 9h
Onde: Hotel Marques Plaza (Avenida Prefeito Tuany Toledo, 801 – Fátima II)

Fonte: G1 Sul de Minas/EPTV

49ª EXPOTRÊS



PONTO DE VENDAS OFICIAL EM VARGINHA:
PRÉ FESTA INGRESSOS

22/09 - Quinta = MAIARA & MARAÍSA
23/09 - Sexta = WESLEY SAFADÃO
24/09 - Sábado = ZÉ NETO & CRISTIANO

Informações: (35) 3015-1211 / Whatsapp (35) 99918-2222

Suspeito de ter matado homem se entrega à polícia em Três Pontas, MG

Comerciante de 41 anos foi morto ao chegar em casa na cidade.
Segundo a polícia, suspeito era vizinho da vítima.





O suspeito de ter matado o comerciante Ademar Borges Barbosa, de 41 anos, em Três Pontas (MG) na última quarta-feira (24), se entregou nesta segunda-feira (29) à polícia. O nome dele não foi divulgado, mas a polícia confirmou que ele era um vizinho da vítima.

Barborsa era dono de uma revendedora de veículos. Segundo a polícia, ele tinha acabado de chegar em casa para almoçar quando, já do lado de dentro da garagem, foi baleado na cabeça. A mulher dele havia saído para buscar o filho na escola e foi quem encontrou o marido caído na garagem.

Desde o primeiro momento, a polícia suspeitava que o vizinho pudesse estar envolvido no crime, e ele chegou a ser considerado foragido.

Fonte: G1 Sul de Minas/EPTV

Acontece em Caxambu neste sábado: Lançamento do livro "Enquanto Caminhava"





Serviço
Lançamento do primeiro livro do Pr. Carlos Alberto Dias. "Enquanto Caminhava"

Local:  Panela Mineira 
Rua Caetano Furquim, Centro - Caxambu 
Data: 03/09 - sábado 
Horário: às 18:00









Rua Caetano Furquim, 37440-000 Caxambu

Carreta tombou na BR-381, no Sul de Minas, e motorista foi socorrido de helicóptero

Acidente grave na Fernão Dias: uma carreta carregada com fardos de algodão tombou e feriu o motorista, que precisou ser resgatado de helicóptero
Fardos de algodão ficaram espalhados pela pista de rolamento, equipes da Concessionária Autopista trabalharam na retirada do veículo e remoção da carga. Fotos: Corpo de Bombeiros de Minas Gerais



Depois do grave acidente ocorrido ontem na Fernão Dias, que vitimou três pessoas e deixou cinco gravemente feridas, a BR-381 volta a ser local de outro grave acidente: uma carreta que transportava fardos de algodão tombou na pista de rolamento ao fazer uma curva no km 920, nas proximidades de Camanducaia, no Sul de Minas.

O acidente aconteceu no sentido Lavras a São Paulo no final da manhã desta segunda-feira e durante parte da tarde, a faixa 1 da rodovia ficou interditada. O trânsito foi desviado para a faixa 2 e acostamento. Uma fila de 4,5 quilômetros de congestionamento se formou.

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) informou que a carga ficou espalhada pelas pistas. O motorista ficou gravemente ferido e foi socorrido com urgência pelo helicóptero do Corpo de Bombeiros que o encaminhou para o Hospital "Samuel Libânio", em Pouso Alegre. A carreta havia saído de Santo Agostinho, Pernambuco, com destino a São Bento do Sul, Santa Catarina. A perícia foi acionada e esteve no local investigando as causas do acidente.

Equipes da Concessionária Autopista Fernão Dias trabalharam no local no atendimento à ocorrência, remoção do veículo e liberação total da via, que aconteceu por volta de 15h.

Fonte: Jornal de Lavras

Rodada de Negócios acontece esta semana na Coopercam



A Cooperativa dos Cafeicultores de Campos Gerais e Campo do Meio (Coopercam), realiza esta semana a segunda edição da Rodada de Negócios. Nos dias 31 de agosto e 1º de setembro, a Coopercam (Campos Gerais) irá oferecer a seus cooperados produtos com preços competitivos.

Entre os vários negócios oferecidos aos produtores de café e leite da região, estão condições diferenciadas, exposição de máquinas e equipamentos e novidades em insumos agrícolas. Tudo isso será ofertado com atendimento exclusivo, de acordo com Tarcísio Rabelo, presidente da Coopercam.

A Rodada de Negócios Coopercam acontece nos dias 31 de agosto e 1º de setembro, na sede da Coopercam em Campos Gerais, na avenida Dr. Alfredo Barbalho Cavalcanti, 505, Barro Preto. Mais informações poderão ser obtidas pelo telefone (35) 3853-0300.



Serviço

Evento: Rodada de Negócios Coopercam

Data: 31 de agosto e 1º de setembro

Local: Coopercam (Campos Gerais)

Informações: (35) 3853-0300


Eliana Sonja

Parmesão d´Alagoa – o queijo da Serra da Mantiqueira

Uma preciosidade: o queijo parmesão fabricado na cidadezinha de Alagoa , localizada no ponto mais alto da Serra da Mantiqueira/MG.




Alagoa começa já no alto da Serra da Mantiqueira. Duas estradas levam ao município: a rodovia serpenteada por curvas fechadas que vem de Itamonte ou a curta via antiga de terra que liga o município a Aiuruoca. A pequena cidade no Sul de Minas poderia continuar escondida por anos sem ser notada, se não fosse por um detalhe valioso: seus moradores guardam a receita centenária de um queijo parmesão que não existe em nenhum outro lugar.

Sabor marcante, intenso, sal no ponto certo, muito aromático e diferente do parmesão tradicional, características estas que confirmam como é especial o leite produzido na Serra Altas da Mantiqueira – a qualidade das pastagens, o clima frio do alto da serra. Um verdadeiro queijo de “terroir” considerado patrimônio cultural pelo Instituto Estadual do Patrimônio Histórico e Artístico de Minas Gerais – IEPHA.

Apesar de ser conhecido como “parmesão” o queijo d´Alagoa é um queijo artesanal produzido com leite cru, e não leva o nome de Parmesão, que é uma exclusividade dos produtos fabricados na Itália com DOC (Denominozione di origine controllata- Itália). O nome correto d queijo este é “Queijo Alagoa”.




Queijo Artesanal Alagoa

Este queijo é elaborado artesanalmente com leite-cru (não pasteurizado) nas montanhas altas e frias de Alagoa, a mais alta das Terras Altas da Mantiqueira, Caminho Velho da Estrada Real.

Características: Sabor levemente picante e forte de gosto, intenso e persistente na boca. Aromas de ervas frescas e lácteos.

Vencedor em 1º Lugar do Concurso O MELHOR QUEIJO DE ALAGOA-MG em 2014

Medalha de Bronze no Prêmio Queijo Brasil 2014

UFMG é uma das 400 melhores universidades do mundo

A instituição mineira subiu no ranking das 500 mais conceituadas, que tem a norte-americana Harvard na primeira posição. Entre as brasileiras, a Universidade de São Paulo (USP) está à frente e aparece entre as 150 em destaque da lista mundial de 2016




A Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) está entre as três instituições de ensino superior do país na faixa que agrupa as 301 a 400 melhores do mundo, conforme o Ranking Acadêmico das Universidades de Classe Mundial (ARWU) de 2016. Na edição passada, a universidade mineira estava no grupo entre 401 a 500.

Desde 2003, o ARWU lista as melhores 500 instituições de ensino superior do mundo. A norte-americana Harvard University lidera a lista, com a nota 100, pontuação máxima nos critérios para confecção do ranking. Em segundo, a Stanford University, também dos Estados Unidos, atingiu 74,7 pontos.
A Universidade de São Paulo (USP) é a mais bem colocada das instituições do Brasil e aparece na lista do grupo 101 a 150. Na lista da faixa de 301 a 400, primeiro aparece a UFMG, seguida da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) e a Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (Unesp). Entre 400 e 500, vêm a Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS) e a Universidade de Campinas (Unicamp).

O ranking da 500 melhores universidades mundiais considera critérios como qualidade na educação, premiações alcançadas pelo corpo docente, publicações nas revistas Nature e Science e publicações indexadas nas áreas de ciências sociais.


Fonte: em.com

Estado divulga relação de projetos inscritos na Lei Estadual de Incentivo à Cultura

O prazo para divulgação de propostas aprovadas na fase de pré-análise foi prorrogado até 1º de setembro






A Secretaria de Estado de Cultura (SEC) divulga a lista de inscritos no edital 2016 da Lei Estadual de Incentivo à Cultura. Conforme publicado no Diário Oficialdesta quinta-feira (25/8), o prazo para a divulgação dos projetos classificados na fase de pré-análise foi prorrogado para 1º de setembro.

Desta forma, os classificados poderão entregar as Declarações de Incentivo até o dia 10 de outubro. Nesta edição foram inscritos 865 projetos de diversos segmentos culturais.

A prorrogação se deve ao grande volume de propostas recebidas, aliado ao período simultâneo de atendimento aos proponentes do Fundo Estadual de Cultura 2016.

Após a divulgação do resultado da pré-análise, no início do próximo mês, os desclassificados terão até cinco dias úteis para apresentar recursos. Permanecem inalteradas as demais condições do edital, que neste ano conta com o aporte de R$ 15 milhões.

Lei Estadual de Incentivo à Cultura 2016

Depois de um ano sem edital devido ao precoce esgotamento dos recursos recolhidos pela renúncia fiscal no ano de 2015 e ao comprometimento de 81,4 % da verba de 2016, foi lançado no dia 23 de maio o edital 2016 da Lei Estadual de Incentivo à Cultura (LEIC) com R$ 15 milhões em recursos.

Após solicitações de aprimoramentos no edital enviadas por representantes do segmento artístico, a SEC dialogou com o setor e implementou melhorias. A principal mudança refere-se à Declaração de Incentivo (DI), que não foi exigida no ato de inscrição dos projetos, como estava previsto anteriormente. A iniciativa visa aprofundar o acesso ao incentivo e possibilita um prazo mais elástico aos proponentes.

Clique aqui e consulte o regulamento completo do edital 2016 da Lei Estadual de Incentivo à Cultura.



Confira alguns projetos inscritos pelos municípios da região:


ALFENAS

ÓCIOS DO OFÍCIO


ANDRADAS


19ª FESTIVAL DA CANÇÃO DE ANDRADAS

HISTORIA DA IMIGRAÇÃO ITALIANA EM ANDRADAS

ANDRADAS - TERRA DAS ARTES DO VINHO



ANDRELÂNDIA

JOSÉ FRANCISCO DE ALMEIDA JÚNIOR - CD CHICO ALMEIDA


ITANHANDU

CEUMAR NO SUL DE MINAS


LAVRAS

FESTIVAL DE MUSICA RAIZ DO SUL DE MINAS

PROJETO MENINAS CANTORAS DE LAVRAS


POÇOS DE CALDAS

IMPRESSÕES SOBRE A SUA CIDADE

FESTIVAL MÚSICA NAS MONTANHAS

REVISTA DE PASSATEMPOS POÇOS DE CALDAS

MOSTRA E SHOW FALSETE

MÚSICA EM MINAS VI POÇOS DE CALDAS

COMPOSIÇÃO FERROVIÁRIA, ANO 4

BERIMBAUÊ

CENTRO EDUCACIONAL E CULTURAL KAFFEHUSET FRIELE - PLANO ANUAL 2017

DOUTORES PENDURICALHOS

12ª FEIRA NACIONAL DO LIVRO DE POÇOS DE CALDAS E FLIPOÇOS 2017 P

TOM DA JUVENTUDE

PÉ NA ESTRADA - SEXTA TEMPORADA

PIPOCA JAZZ TRIO

CAPOEIRARTE

ANJOS DA GUARDA ARTES


POUSO ALEGRE

ME PERDOA-ME POR ME TRAÍRES

ASSOPRA O BORRALHO

PROGRAMAÇÃO CULTURAL DE CAMANDUCAIA/MONTE VERDE 2017



SÃO LOURENÇO

FESTIVAL GASTRONÔMICO DE SÃO LOURENÇO

2 °FESTIVAL DA CANÇÃO DE SÃO LOURENÇO/ESQUINAS DE MINAS


SÃO SEBASTIÃO DO PARAÍSO


A POESIA COMO AGENTE DE TRANSFORMAÇÃO SOCIAL



TRÊS CORAÇÕES

FESTIVAL DE ARTE, TECNOLOGIA E TRADIÇÃO ORAL

QUEM CANTA SEUS MALES ENCANTA


TRÊS PONTAS

WALLACE DOUGLAS LEITE WALLACE LEITTE - GRAVAÇÃO E LANÇAMENTO DE CD

UMMAGUMMA CLASSIC ROCK FESTIVAL - 1ª EDIÇÃO TRÊS PONTAS



VARGINHA

1ª VIRADA CULTURAL DO SUL DE MINAS

ROÇA N' ROLL - 19A. EXPEDIÇÃO


Confira relação completa: http://www.cultura.mg.gov.br/images/documentos/Lei%20Estadual%20de%20Incentivo%20%C3%A0%20Cultura%20-%20RELA%C3%87%C3%83O%20DE%20PROJETOS%20INSCRITOS%20NO%20EDITAL%20LEIC%2001-2016.pdf

Jovem de Varginha ganha dinheiro com canal diferente no youtube

O jovem é dono do canal Engravatando, que apresenta vários conteúdos sobre a moda masculina além de diversos tutoriais ensinando como fazer diferentes nós de gravatas.

O jovem ensina como fazer diferentes nós em gravatas no seu canal no youtube. Foto reprodução blog do madeira
O jovem ensina como fazer diferentes nós em gravatas no seu canal no youtube. 
Foto reprodução blog do madeira


O site Youtube tem crescido cada vez mais nos últimos anos, o que antes era apenas mais uma forma de entretenimento, hoje pode ser considerado uma nova forma de trabalho. Alguns varginhenses também aderiram essa ferramenta, é o caso de Plinio Barra, de 29 anos, que optou por usar o canal como trabalho. Ele é dono do canal Engravatando, que apresenta vários conteúdos sobre a moda masculina além de diversos tutoriais ensinando como fazer diferentes nós de gravatas.

O jovem contou a folha que sempre gostou de gravatas e tinha desejos de produzir vídeos, mas como não tinha condições de fazer produções mais elaboradas, decidi produzir algo que poderia fazer sozinho. Então, coloquei a câmera no tripé, botei pra gravar e ensinei a fazer um nó diferente na gravata, algumas pessoas gostaram e começaram a pedir outras dicas”. Para passar a informação mais correta possível, ele também faz inúmeras pesquisas com profissionais da área de outros países. Hoje, com cerca de 15 mil inscritos, o Engravatando já tem uma marca própria de gravatas e lenços de bolso, a Médullo, que veio para suprir a falta de produtos e acessórios masculinos no mercado.
Fonte: O Melhor do Sul de Minas

Detento posta foto fumando maconha dentro do presidio de Pouso Alegre

Detento posta foto em redes sociais fumando maconha dentro da cela do presídio, o registro foi feito em Pouso Alegre.
Detento posta foto fumando maconha em presídio de Pouso Alegre. Foto reprodução da internet
Detento posta foto fumando maconha em presídio de Pouso Alegre. 
Foto reprodução da internet
Sem se preocupar em demonstrar o uso da maconha e do celular na cadeia, o jovem parece debochar da situação. Ele escreveu em uma das legendas “Só marola agora que a casa caiu (sic)”, se referindo à prisão que ocorreu há um mês antes da publicação da foto. Elvis Aparecido foi preso em junho do ano passado depois de roubar um carro na cidade de Senador Amaral. Ele e um comparsa agrediram o dono do veículo e o levaram como refém.
A vítima conseguiu saltar do carro e a dupla sofreu um acidente, sendo detida logo em seguida. A direção do presídio assumiu que está ciente do caso. Há alguns dias uma vistoria na cela do detento foi feita e os agentes encontraram um celular. Novas buscas foram realizadas no local, após a publicação das fotos, mas nada foi encontrado.


Fonte: O Melhor do Sul de Minas

Três pessoas morreram e cinco ficaram feridas em acidente grave na BR-381

Acidente grave na tarde de ontem na Fernão Dias mata três pessoas e deixa cinco feridas,
Três carros e uma carreta se envolveram no acidente que matou três pessoas e deixou cinco feridas. Fotos: Alo Alo Cidade



Três pessoas morreram e cinco ficaram feridas na tarde de ontem, domingo, dia 28, em um acidente envolvendo três automóveis e uma carreta, no km 777 da rodovia Fernão Dias, a BR-381, próximo ao trevo de Campanha. De acordo com o motorista da carreta que saiu de Santa Catarina e seguia para Mossoró, no Rio Grande do Norte, quando passava pelo km 777, sentido Lavras, foi surpreendido por um automóvel Hyunday, com placas de Belo Horizonte, que seguia no sentido contrário e inexplicavelmente atravessou o canteiro central e foi para a pista contrária, batendo na lateral da carreta.

O automóvel atingiu ainda um veículo Renault Sandero com placas de Diadema (SP) e um Fiat Idea com placas de Pouso Alegre. Os três veículos atingidos capotaram. Duas mulheres que estavam em um dos carros morreram no local, outras cinco pessoas, incluindo uma criança de cinco anos que estava numa cadeirinha, se feriram e foram socorridas por ambulâncias da Autopista Fernão Dias e levadas para o Hospital São Sebastião, em Três Corações.

Em um dos carros atingido viajava três homens, um deles não resistiu e morreu no local do acidente. O motorista da carreta com placas de Santa Catarina nada sofreu.

O trânsito nos dois sentidos teve que ser desviado para uma faixa até a retirada dos veículos e dos corpos das vítimas. A Polícia Rodoviária Federal (PRF) esteve no local e registrou a ocorrência. As vítimas feridas, algumas em estado grave, estão internadas em Três Corações, a criança sofreu apenas ferimentos leves e passa bem.



Fotos: Alo Alo Cidade

Fonte: Jornal de Lavras


Congresso aprova LDO com previsão de salário mínimo de R$946 em 2017

O texto principal do projeto de Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) já está aprovado, faltando apenas a votação de alguns trechos





O Congresso Nacional aprovou na madrugada desta quarta-feira (24) o texto principal da Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) para o ano de 2017 (PLN 2/2016). Foram 252 votos favoráveis e 8 contrários entre os deputados, além de obstrução promovida por parlamentares da oposição, que não votaram. Entre os senadores, a votação foi simbólica. Ficaram pendentes de votação três destaques.

O texto autoriza o governo federal a fechar o ano com um déficit de R$ 139 bilhões e prevê um crescimento de 1,2% no produto interno bruto (PIB). Caso se confirme a estimativa da lei, o Brasil completará quatro anos consecutivos de déficit fiscal e, consequentemente, de crescimento da dívida pública nacional. Além do rombo previsto a nível federal, o projeto antecipa déficits de R$ 1,1 bilhão para estados e municípios e de R$ 3 bilhões para as estatais.

A previsão do déficit foi uma alteração promovida pelo presidente interino, Michel Temer, em relação ao texto original do projeto da lei, que falava em resultado fiscal zero (nem superávit e nem déficit). As bancadas de oposição ao governo interino tentaram resgatar essa proposta através de um destaque, mas não tiveram sucesso.

Outros indicadores trazidos pelo texto para o próximo ano incluem a previsões de inflação de 6%, taxa de juros de 13,1% e preço do dólar a R$ 4,40.
“Realismo”

O relator da LDO, senador Wellington Fagundes (PR-MT), destacou que o projeto aprovado pelo Congresso tem como principal mérito ser “realista”. Segundo ele, essa característica pode ser alcançada porque o texto conta com dispositivos que obrigam o governo federal a limitar as suas despesas e trabalhar com uma arrecadação concreta.

— Longe de ser uma tábua de salvação, o projeto procura retratar o Brasil de hoje. Nossa realidade fiscal indica um perfil de muitas dificuldades. Não adianta incluir no texto despesas que não serão executadas. Isso gera frustração na sociedade e desvaloriza o papel do orçamento e do parlamento — afirmou o relator.

A LDO de 2017 estipula que os gastos primários da União no próximo ano não sejam superiores aos de 2016 (incluindo os restos a pagar), corrigidos pela inflação oficial. Essa limitação é tema de uma proposta em tramitação na Câmara dos Deputados (PEC 241/2016).

Além disso, a lei contém dispositivo proibindo que o Executivo inclua na previsão de receitas da Lei Orçamentária Anual (LOA) a arrecadação com impostos cuja criação ainda não tenha sido aprovada pelo Congresso. O governo deve enviar o projeto da LOA até o fim de agosto.

Devido a essa proibição, Wellington Fagundes retirou da LDO a recriação da Contribuição Provisória sobre Movimentação Financeira (CPMF), tema que já era discutido como saída para melhorar a arrecadação. O senador tem defendido que o governo federal busque formas de sanar as contas públicas sem novos impostos. Alternativas que ele propõe são a elevação de alíquotas de tributos já existentes, privatizações e concessões.
“Desastre”

A inclusão do dispositivo de limitação de gastos na LDO foi alvo de muitas críticas dos parlamentares que se opõem à PEC 241. O senador Humberto Costa (PT-PE) disse que a medida levará ao corte de dezenas de bilhões de reais de setores como educação, saúde, segurança e moradia.

— A antecipação do que apregoa essa PEC é o prenúncio de um desastre que o país vai sofrer. Vai levar o Brasil a um gravíssimo processo de recessão econômica e de disputa selvagem pelos recursos públicos limitados que temos. Um crescimento meramente nominal das despesas sociais é mais do que um erro, é um crime — disse o senador.

Humberto Costa também destacou que incorporar a limitação de despesas sem antes aprovar a PEC com essa previsão tornaria a LDO inconstitucional. Além disso, observou que a proposta dá ao Congresso a prerrogativa de decidir a respeito dos cortes e direcionamentos das despesas, e, em sua opinião, isso beneficia corporações de ofício que exercem pressão sobre os parlamentares, em detrimento da sociedade não-organizada.

Deputados também criticaram o dispositivo. Luciana Santos (PCdoB-PE) declarou que essa é uma iniciativa rumo ao “desmonte do Estado brasileiro” e à “desnacionalização”. Edmilson Rodrigues (PSOL-PA) classificou a proposta como uma “expressão da perversidade”, e pediu audiências públicas sobre a LDO antes da apreciação pelo Plenário.

A oposição apresentou destaque para retirar do texto da lei a limitação de gastos, mas ele não foi aprovado.
Obras e investimentosd

Wellington também destacou a preocupação da LDO com a questão das obras públicas paralisadas ou não concluídas no prazo. O senador explicou que seu relatório trouxe uma série de medidas para amenizar o problema de empreendimentos federais iniciados com planejamento insuficiente e que excedem o tempo e o orçamento previstos para conclusão.

— Hoje fala-se em 20 mil obras, mas na verdade o governo não tem um relatório especificado. Nem o governo federal tem condições de afirmar e de mostrar para a sociedade esse volume. Eu sempre tenho dito que uma obra inacabada causa muito mais prejuízo à população, porque não serve para nada e custa para manter. A retomada de uma obra vai, com certeza, despender um recurso público muito grande — disse o relator.

A medida mais imediata sugerida pela LDO é que o Executivo passe a priorizar, em seus investimentos de infraestrutura, as obras que estejam pelo menos 50% concluídas. O projeto prevê também a criação de um cadastro público, na internet, de obras federais orçadas a partir de R$ 50 milhões, para que possa haver constante acompanhamento da sociedade.

O relator sugere ainda que todas as obras orçadas em pelo menos R$ 10 milhões tenham projeto executivo e estudo de viabilidade técnica e econômica; e que o Executivo não possa mais fazer convênios para novas obras com municípios que ainda tenham empreendimentos inacabados da mesma natureza.

Wellington também chamou a atenção para a definição de um piso para investimentos federais em infraestrutura no ano de 2017. Pela proposta da LDO, esse montante não poderia ser inferior ao valor investido em 2016, acrescido da inflação anual.

Três destaques relativos ao texto principal da lei não foram votados por falta de quórum, e serão apreciados na próxima convocação do Congresso. Um deles trata das possibilidades de livre remanejamento de despesas do orçamento pelo Executivo, dispositivo que a oposição quer retirar. Os outros dois são equivalentes e retiram da previsão de contingenciamento as verbas destinadas a ciência e tecnologia.
Auditoria

Na sua reunião desta manhã, em que concluiu a votação da LDO, a Comissão Mista de Planos, Orçamentos Públicos e Fiscalização (CMO) incluiu no texto a realização de uma auditoria na dívida pública no próximo ano. A proposta foi mantida pelo Plenário, mas ainda precisará ser confirmada pelo presidente interino, Michel Temer. A LDO de 2016 incluiu uma auditoria, mas o dispositivo foi vetado pela presidente afastada, Dilma Rousseff.

A iniciativa foi resultado de emenda do deputado Edmilson Rodrigues (PSOL-PA), e propõe a auditoria no âmbito do Ministério da Fazenda com a participação de órgãos federais, como o Tribunal de Contas da União (TCU), e de entidades da sociedade civil. Ela foi bem recebida pelo relator.

— Toda a população brasileira sempre cobra [saber] quanto o Brasil paga e qual é a origem da dívida. Hoje o orçamento é usado basicamente para rolagem da dívida e pagamento de juros, ou seja, sobra muito pouco para o investimento — explicou Wellington Fagundes.

Agência Senado (Reprodução autorizada mediante citação da Agência Senado)

PM de Ribeirão Vermelho prende grupo acusado de tentar passar dinheiro falso naquela cidade

Os acusados são de Lavras e chegaram a passar notas falsas de R$ 100 no comércio de Perdões e tentaram em Ribeirão Vermelho




Policiais militares da cidade de Ribeirão Vermelho foram acionados pela gerência de um supermercado daquela cidade, para registro de uma ocorrência de tentativa de passar uma cédula falsa no valor de R$ 100.
Os policiais foram até o local e, em conversa com a vítima, atendente do caixa, ela contou que um rapaz aparentemente menor de idade esteve naquele estabelecimento e efetuou várias compras, porém, na hora de pagar a atendente descobriu que a cédula de R$ 100 entregue por ele era falsa. A atendente falou para o rapaz que não poderia aceitar a nota porque ela era falsa, ele sem expressar surpresa pegou a cédula de volta e deixou o local.
Alguns minutos depois a PM recebeu uma ligação informando que três pessoas em atitudes suspeitas estavam em um automóvel Chevrolet Monza azul, com placas de Lavras, rodando pela cidade. Os policiais abordaram o veículo e em seu interior foram encontrados, numa sacola, diversos utensílios domésticos ainda etiquetados. Questionados sobre a origem dos produtos eles alegaram que foram comprados, mas ficaram desconcertados e caindo em contradição, não sabendo informar onde havia adquirido tais produtos.
Entre os abordados os policiais encontraram o menor que havia tentado passar a cédula falsa, ele foi revistado e nada foi encontrado com ele. Questionado sobre a tentativa de passar dinheiro falso em um supermercado, ele acabou contando que foi até aquele comércio a pedido de um dos ocupantes do automóvel.
O menor contou à polícia onde havia escondido a cédula e ainda falou que na casa de um dos abordados no automóvel havia mais dinheiro falso. Nesse intervalo os militares foram informados pela PM de Perdões que o grupo havia passado por aquela cidade e adquirido diversos produtos e que foram pagos com dinheiro falso, isso foi descoberto depois que eles deixaram a cidade.
Diante das denúncias, a PM foi até a residência do acusado pelo menor, em Lavras, e lá encontraram mais 12 cédulas falsas de R$ 100. O proprietário das cédulas contou a PM que pagou R$ 300 pelas 12 cédulas falsificadas. Todos foram detidos e levados para a Delegacia de Polícia Federal, já que falsificação de dinheiro é crime federal. O veículo usado na ação criminosa foi rebocado para um pátio credenciado pelo Departamento Estadual de Trânsito (Detran), onde ficará a disposição da justiça.

Fonte: Jornal de Lavras

Veja 13 motivos que podem levar qualquer um à demissão por justa causa no trabalho



Lesar a empresa, divulgar informações confidenciais do trabalho e cometer ações contra a segurança nacional são algumas das situações que podem levar à demissão por justa causa do trabalho. A Consolidação das Leis do Trabalho (CLT) prevê algumas situações em que o profissional pode ser demitido dessa forma.

"Antes de qualquer medida é preciso ter em mente que para a aplicação dessa medida extrema é fundamental que sempre se faça comunicado por escrito do ato com cópia e aviso de recebimento, de preferência por telegrama", afirma Gilberto Rocha Bento Júnior, advogado, contabilista e sócio da Bento Jr. Advogados.

Por motivo leve, a advertência deve acontecer três vezes e, logo em seguida à terceira advertência, a dispensa por justa causa imediata. Se ela não for imediata, a Justiça entende que ocorreu o perdão. Por motivo médio, é necessário uma advertência e se o motivo for grande e comprovado de forma inequívoca, a dispensa deve ser imediata.

Veja abaixo os motivos que podem levar à justa causa, de acordo com a CLT:
1) Ato de improbidade

Toda ação ou omissão desonesta do empregado, que revelam desonestidade, abuso de confiança, fraude ou má-fé, visando a uma vantagem para si ou para outrem. Exemplos: furto, adulteração de documentos pessoais ou pertencentes ao empregador, etc.
2) Incontinência de conduta ou mau procedimento

A incontinência revela-se pelos excessos ou imoderações. Ocorre quando o empregado comete ofensa ao pudor, pornografia ou obscenidade, desrespeito aos colegas de trabalho e à empresa.

O mau procedimento caracteriza-se com comportamento incorreto, irregular do empregado, que ofendam a dignidade, tornando impossível ou onerosa a manutenção do vínculo empregatício.

Exemplos: quebrar regras internas ou assediar outro funcionário.
3) Negociação habitual

Empregado, que sem autorização do empregador, exerce atividade concorrente explorando o mesmo ramo do negócio ou exerce atividade que prejudique o exercício de sua função na empresa.
4) Condenação criminal

Cumprindo pena criminal, o empregado não poderá exercer atividade na empresa. A condenação criminal deve ter passado em julgado, ou seja, não pode ser recorrível. A rescisão acontece porque o profissional não pode cumprir seu contrato de trabalho e não por causa da condenação.
5) Desídia

Consiste na repetição de pequenas faltas leves, que se acumulam até acabar na dispensa do empregado. Isto não quer dizer que uma só falta não possa configurar desídia. Pouca produção, atrasos frequentes, faltas injustificadas e produção imperfeita prejudicam a empresa e mostram o desinteresse do empregado pelas suas funções.
6) Embriaguez habitual ou em serviço

A justa causa pode acontecer se o empregado chegar bêbado ao trabalho ou se embebedar durante a jornada. A embriaguez deve ser comprovada por exame médico pericial. A jurisprudência trabalhista vem considerando a embriaguez contínua como doença e não como uma situação para justa causa, e a empresa pode participar e ajudar no tratamento.
7) Violação de segredo da empresa

A revelação só caracterizará violação se for feita a terceiro interessado, capaz de causar prejuízo à empresa, ou a possibilidade de causá-lo.
8) Ato de indisciplina ou de insubordinação

A desobediência a uma ordem específica, verbal ou escrita, constitui ato típico de insubordinação; a desobediência a uma norma genérica constitui ato típico de indisciplina.
9) Abandono de emprego

A falta injustificada ao trabalho por mais de 30 dias indica abandono do emprego, conforme entendimento jurisprudencial.
10) Ofensas físicas

As ofensas físicas constituem falta grave quando têm relação com o vínculo empregatício, praticadas em serviço ou contra superiores hierárquicos, mesmo fora da empresa. As agressões contra terceiros, estranhos à relação empregatícia, por razões alheias à vida empresarial, constituirá justa causa quando ocorrerem no trabalho.
11) Lesões à honra e à boa fama

Gestos ou palavras que expõe o outro ao desprezo de terceiros ou afetem sua dignidade pessoal. Na aplicação da justa causa devem ser observados os hábitos de linguagem no local de trabalho, origem territorial do empregado, ambiente onde a expressão é usada, a forma e o modo em que as palavras foram pronunciadas, grau de educação do empregado e outros elementos que se fizerem necessários.
12) Jogos de azar

É quando se comprova a prática, por parte do colaborador, de jogos no qual o ganho e a perda dependem exclusiva ou principalmente de sorte. A prática constante ou jogar no ambiente de trabalho podem levar à dispensa, se atrapalharem a atuação do empregado.
13) Atos atentatórios à segurança nacional

A prática de atos atentatórios contra a segurança nacional, desde que apurados pelas autoridades administrativas, é motivo justificado para a rescisão contratual.

Fonte: G1

1º Festival Nacional de Corais de São Lourenço

Teve início nesta quinta-feira (25) e vai até domingo (28),na cidade de São Lourenço, MG, o 1º Festival Nacional de Corais - Cantáguas. 




Confira a programação para hoje (27) e amanhã (28):




Fonte: http://cantaguas.com.br/


Mulher confessa ter matado homem por dívida de R$ 20, no Sul de MG

Vítima foi encontrada com corte na barriga em Boa Esperança.
Dívida que motivou crime seria referente a um programa.




Uma mulher foi presa em Boa Esperança (MG), nesta sexta-feira (26), suspeita de ter matado um homem com uma facada. Segundo a Polícia Civil, ela confessou o crime, que teria sido motivado por uma dívida de R$ 20 referente a um programa.

O crime aconteceu na noite da última quarta-feira (24), no bairro Jardim das Palmeiras. O corpo de Sebastião Luiz Francisco, de 70 anos, foi encontrado caído no chão com um corte na barrigae uma faca foi encontrada na mão dele. O homem estava apenas de cueca.

Ainda segundo a polícia, após esfaquear o homem, ela teria tirado a bermuda dele para roubar o dinheiro que estava no bolso. Enquanto tentava fugir para a cidade de Formiga (MG), a mulher foi presa e levada para o presídio de Boa Esperança.

Fonte: G1 Sul de Minas/EPTV